sábado, 3 de setembro de 2016

A BÍBLIA


                                                                          

A Bíblia
Padre Antônio Maria
Nos momentos de aflição/
Quando eu procuro uma saída/ Vou buscar na voz de Deus/ a minha vida.
Nas palavras da razão/ Tenho as respostas que preciso/
Se me entrego em oração/ volta o sorriso.
Se apesar da minha cruz/ Eu abro o Novo Testamento/
E no exemplo de Jesus eu me sustento/ Na coragem de Moisés/ Guiando o povo no deserto/
Eu aprendo a caminhar no rumo certo.
REF: Santa Bíblia/ Livro dos livros/ Sonhos dos Sonhos/ cura das curas.
Santa Bíblia/ paz verdadeira/ linda luz mensageira/ do Senhor das alturas. (bis)
Nos provérbios vou colher sabedoria/ lendo os salmos eu afasto as amarguras/
Na ressurreição de Cristo, um novo dia/ Me alimento das Sagradas Escrituras

A Bíblia merece destaque, em setembro. Coloque-a em lugar que facilite a leitura. Lembrando que a Palavra de Deus é luz em nosso caminhar, coloque também uma vela e flores.

Leia mais a Bíblia! Escolha um momento no dia ou na semana para ler alguns versículos e comentar com a família. Anote frases ou palavras que chamam a sua atenção, que tocam seu coração. Quando lemos, pela manhã, os versículos passam o dia fazendo eco em nossa mente e coração. Quando cantamos, pela manhã, o eco é sonoro. Experimente, saboreie e deixe-se nutrir pela Palavra de Deus!

Semeie a Palavra de Deus! Lembrando a Parábola do Bom Semeador, imprima e espalhe versículos bíblicos ou pequenos textos sobre Bíblia em muitos locais, para que outras pessoas o encontrem: São sementes de bem que podem germinar a qualquer momento, pois a Palavra de Deus é viva e eficaz. 

 As cinco vias da Palavra
Setembro é o mês da Bíblia. Sofremos um analfabetismo bíblico e precisamos criar o “século da Bíblia” e tê-la todos os dias em nossas mãos. Eis as cinco vias da Palavra.

1 - O ouvido - Como poderemos crer sem ouvir a pregação da fé? “Ouve oh Israel”. Este é o mandamento divino. Dá-nos Senhor, ouvido de discípulo, pede o profeta Isaías. A fé entra pelo ouvido. Não podemos ser surdos ao Deus que se revela a nós como a amigos. Quem ouve minha Palavra e a põe em prática, este é o maior no reino dos céus, ensinou Jesus. Hoje se ouvirdes a voz do Senhor, não fecheis o vosso coração, diz o livro de Samuel. A Palavra supõe a audição, o ouvido, do contrário, ela cai no chão.

2 - A cabeça - A Palavra exige o estudo, a teologia, o magistério e o catecismo. A fé não pode contrariar a reta razão, mas, ela vai além da razão. É preciso dar a razão de nossa fé porque a verdade e a fé são duas asas que movem o ser humano até Deus. Fé e razão se completam. O ato de fé é um ato de decisão, de opção, de adesão a Deus, a Jesus Cristo e à revelação divina. A cabeça é uma via da fé para evitar todo infantilismo, magia, engano, exploração, fanatismo e heresia no âmbito da religião. A Palavra guia nossos pensamentos e oferece critérios, valores e luzes para a razão.

3 - O coração - A Palavra ouvida desce ao coração, ou seja, é interiorizada, assimilada, vivida, experimentada. É no intimo do coração que a Palavra se faz carne em nós. Ela se torna alimento. “Toma o livro e come-o” diz a Escritura. Há uma grande fome e sede da Palavra porque ela alimenta a fé no coração dos cristãos. A fé é resposta à Palavra e compromisso assumido no centro, no interior dos corações.

 

 

 

SALVAÇÃO PELA FÉ
Com efeito,não me envergonho do Evangelho
pois ele é uma força vinda de Deus,para a salvação de todo o que crê,ao judeu em primeiro lugar e depois ao grego.Porque nele se revela a justiça de Deus,que se obtém pela fé e conduz à fé como está escrito:O justoviverá pela fé(Heb 2,4).

Paciência
Meu filho,se entrares
para o serviço de Deus,
permanece firme na justiça e no temor,
e prepara a tua alma para a provação;
humilha teu coração, espera com paciência,
dá ouvidos e acolhe as palavras de sabedoria;
não te perturbes no tempo da infelicidade,
sofre as demoras de Deus;
dedica-te a Deus,espera com paciência,
a fim de que no derradeiro momento
tua vida se enriqueça.
Aceita tudo o que acontecer,
na dor permanece firme,
na humilhação, tem paciência.
Pois é pelo fogo,
que se experimenta o ouro e a prata.
Eclesiástico 2.)


Mt 8,5-11

Quando Jesus entrou na cidade de Cafarnaum, um oficial romano foi encontrar-se com ele e pediu que curasse o seu empregado. Ele disse:
- Senhor, o meu empregado está na minha casa, tão doente, que não pode nem se mexer na cama. Ele está sofrendo demais.
- Eu vou lá curá-lo! - disse Jesus.
O oficial romano respondeu:
- Não, senhor! Eu não mereço que o senhor entre na minha casa. Dê somente uma ordem, e o meu empregado ficará bom. Eu também estou debaixo da autoridade de oficiais superiores e tenho soldados que obedecem às minhas ordens. Digo para um: "Vá lá", e ele vai. Digo para outro: "Venha cá", e ele vem. E digo também para o meu empregado: "Faça isto", e ele faz.
Quando Jesus ouviu isso, ficou muito admirado e disse aos que o seguiam:
- Eu afirmo a vocês que isto é verdade: nunca vi tanta fé, nem mesmo entre o povo de Israel! E digo a vocês que muita gente vai chegar do Leste e do Oeste e se sentar à mesa no Reino do Céu com Abraão, Isaque e Jacó.


 


ROMANOS 13,8-10 -
A ninguém fiqueis devendo coisa alguma, a não ser
o amor recíproco; porque aquele que ama o seu próximo
cumpriu toda a lei. Pois os preceitos: Não cometerás
adultério, não matarás, não furtarás, não cobiçarás, e ainda
outros mandamentos que existam, eles se resumem nestas
palavras: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.
O amor não pratica o mal contra o próximo, pois, o amor é o
pleno cumprimento da lei.

        


Cultivar a alegria

Não entregues a tua alma a tristeza,
não atormentes a ti mesmo em teus pensamentos.
A alegria do coração é vida do homem,
é um inesgotável tesouro de santidade.
A alegria do homem torna mais longa a sua vida.
Tem compaixão de tua alma, torna-te agradável a Deus,
e sê firme; concentra teu coração na santidade,
afasta a tristeza para longe de ti,
pois a tristeza matou a muitos,
e não há nela utilidade alguma.
a inveja e a ira abreviam os dias,
e a inquietação acarreta a velhice antes do tempo.
Um coração bondoso e nobre banqueteia-se continuamente,
pois seus banquetes são preparados com solicitudes.
(Eclesiástico 30,22-27)

1. Amar a Deus sobre todas as coisas.
2. Não tomar Seu santo nome em vão.
3. Guardar o Dia do Senhor.
4. Honrar pai e mãe.
5. Não matar.
6. Não pecar contra a castidade.
7. Não furtar.
8. Não levantar falso testemunho.
9. Não desejar a mulher do próximo.
10. Não cobiçar as coisas alheias.

SALMO 36, 23-40


23. O Senhor torna firmes os passos do homem e aprova os seus caminhos.
24. Ainda que caia, não ficará prostrado, porque o Senhor o sustenta pela mão.
25. Fui jovem e já sou velho, mas jamais vi o justo abandonado, nem seus filhos a mendigar o pão.
26. Todos os dias empresta misericordiosamente, e abençoada é a sua posteridade.
27. Aparta-te do mal e faze o bem, para que permaneças para sempre,
28. porque o Senhor ama a justiça e não abandona os seus fiéis. Os ímpios serão destruídos, e a raça dos ímpios exterminada.
29. Os justos possuirão a terra, e a habitarão eternamente.
30. A boca do justo fala sabedoria e a sua língua exprime a justiça.
31. Em seu coração está gravada a lei de Deus; não vacilam os seus passos.
32. O ímpio espreita o justo, e procura como fazê-lo perecer.
33. Mas o Senhor não o abandonará em suas mãos e, quando for julgado, não o condenará.
34. Põe tu confiança no Senhor, e segue os seus caminhos. Ele te exaltará e possuirás a terra; a queda dos ímpios verás com alegria.
35. Vi o ímpio cheio de arrogância, a expandir-se com um cedro frondoso.
36. Apenas passei e já não existia; procurei-o por toda a parte e nem traço dele encontrei.
37. Observa o homem de bem, considera o justo, pois há prosperidade para o pacífico.
38. Os pecadores serão exterminados, a geração dos ímpios será extirpada.
39. Vem do Senhor a salvação dos justos, que é seu refúgio no tempo da provocação.
40. O Senhor os ajuda e liberta; arranca-os dos ímpios e os salva, porque se refugiam nele.